Mais de cem mil profissionais de educação capacitados
CAPESEaDEducação
janeiro 13, 2022

Iniciados há pouco mais de um ano, os cursos virtuais criados para qualificar profissionais da educação no uso de ferramentas on-line em sala de aula já capacitaram 133 mil pessoas em todo o País. A formação é resultado de parceria entre a CAPES e a Universidade Estadual do Maranhão (Uema).

Totalmente virtuais, as aulas começaram em novembro de 2020 e atendem professores, alunos de licenciaturas e outros profissionais que atuam na educação básica. Os participantes aprendem a produzir os próprios materiais audiovisuais e aperfeiçoam as práticas das aulas presenciais e a distância. “Essa capacitação leva em conta que a maioria dos professores, em sua formação inicial, não teve contato com essas tecnologias”, destaca Danielle Fernandes, coordenadora Pedagógica do Setor de Design Educacional da UemaNet.

Esses cursos possibilitaram aos professores a inserção de tecnologias interativas em suas práticas. “Isso propicia melhores condições de ensino e aprendizagem aos envolvidos no processo educativo”, explica Ilka Serra, coordenadora da UemaNet, núcleo de tecnologias da universidade responsável por elaborar o material didático e desenvolver a formação.

As disciplinas envolvem formação para a docência digital em rede, psicologia da educação, desenho didático para o ensino on-line, produção de videoaulas, mediação em educação a distância (EAD) e multimeios em educação. O cenário de pandemia, provocado pela COVID-19, impediu a realização das aulas em ambiente presencial. “Por isso, as formações foram ofertadas por meio de cursos abertos numa plataforma digital, denominada Eskada, criada pela própria Uema”, comenta Ilka.

Para a coordenadora da UemaNet, a parceria com a CAPES vai ao encontro das exigências da formação de profissionais na atualidade. “O ensino virtual surge como mais um aliado dos professores, pois ele oportuniza o desenvolvimento das habilidades essenciais para o uso dos recursos digitais. A Uema e a CAPES não mediram esforços para contribuir para a formação inicial e continuada desses professores”, ressalta.  As inscrições ao curso continuam abertas e podem ser feitas pelo link:

https://eskadauema.com/theme/olm/catalog.php?category=21

 

FONTE: Assessoria de Comunicação Social do MEC com informações da CAPES