Emergências Climáticas: CAPES investe até R$4,2 milhões
CAPESEducaçãoMECNotícias
março 15, 2022

A CAPES publicou nesta segunda-feira, 14, o Edital nº 15/2022, o primeiro relativo ao Programa Emergencial de Prevenção e Enfrentamento de Desastres Relacionados a Emergências Climáticas, Eventos Extremos e Acidentes Ambientais. Nomeada de Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) Emergências Climáticas, a ação receberá investimento de até R$4,2 milhões em, no máximo, 12 propostas que ofereçam  possíveis soluções a serem aplicadas às realidades das regiões atingidas por este tipo de ocorrência.

Serão concedidas até 72 bolsas, sendo 24 de mestrado, 12 de doutorado e 36 de pós-doutorado. Com a iniciativa, a CAPES pretende promover a troca de conhecimento entre a academia e o poder público, estimulando o desenvolvimento de produtos, serviços e tecnologias cujos resultados contribuam diretamente para a solução de problemas sociais, melhorando a vida das pessoas.

A ação também vai contribuir para a formação de pessoal qualificado em programas de pós-graduação stricto sensu, com linhas de pesquisas voltadas a assuntos como conservação da biodiversidade, políticas públicas preventivas e assistenciais, impactos sobre a organização social e a saúde pública, entre outros.

Os projetos devem ser inscritos pelo Sicapes, de 16 de março a 3 de maio. O resultado final está previsto para publicação a partir de 26 de julho.

Confira o edital nº 15/2022.

 

FONTE: Assessoria de Comunicação Social do MEC com informações da CAPES