Manifestação sobre classificação de curso é até 11/7
Notícias
8 de julho de 2021

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) prorrogou o prazo para manifestação sobre a classificação preliminar dos novos cursos conforme a Classificação Internacional Normalizada da c (Cine Brasil). As instituições de educação superior têm até o dia 11 de julho para se pronunciarem a respeito dos novos cursos listados na Edição 2021/1 do ambiente de classificação Cine Brasil, no sistema do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). Esses cursos se referem àqueles com processos concluídos no Cadastro e-MEC entre 1º de junho de 2020 e 11 de maio de 2021. O procedimento deve ser realizado pelo Sistema Enade.

A classificação preliminar é baseada no conteúdo temático predominante do curso, identificado a partir do Projeto Pedagógico de Curso (PPC), das Diretrizes Curriculares e do Catálogo Nacional dos Cursos Superiores de Tecnologia. Dessa forma, o rótulo indicado é baseado no agrupamento dos cursos com propostas formativas semelhantes, considerando a diferença do grau acadêmico.

Materiais – Para orientar os representantes das instituições, o Inep disponibiliza, em seu portal, o “Manual para Classificação dos Cursos de Graduação e Sequenciais – Cine Brasil”, bem como o passo a passo “Manifestação sobre a Classificação de Cursos”. Os materiais também foram enviados, via e-mail, para procuradores educacionais institucionais e coordenadores de cursos cadastrados no Sistema e-MEC. Além disso, o instituto dispõe do e-mail classifica.curso@inep.gov.br para esclarecimento de dúvidas.

Cine Brasil – A classificação de acordo com a Cine Brasil é um pré-requisito fundamental para a disseminação de pesquisas estatísticas da educação superior do País. Ela é utilizada como referência para enquadramento de cursos a serem avaliados no Enade, para designação das comissões de avaliação in loco dos cursos de graduação e como referência de classificação de cursos por meio do Cadastro e-MEC.

Fonte: MEC