Criada área de avaliação para programas de formação de professores
Notícias
outubro 10, 2023

O Conselho Superior da CAPES aprovou a criação de uma nova área de avaliação chamada “Ciências e Humanidades para a Educação Básica” em sua reunião de 5 de outubro. Esta nova área abrigará os Programas Profissionais para professores da Educação Básica (Prof/ProEB), que consistem em 12 programas de mestrado e um programa de doutorado. O objetivo principal desses programas é oferecer formação contínua aos educadores que já trabalham em sala de aula.

Anteriormente, o Prof/ProEB já havia se destacado na Avaliação Quadrienal, enfatizando a missão de melhorar a educação básica no Brasil. Além disso, esses programas foram agrupados nos Documentos Orientadores para Avaliação de Propostas de Cursos Novos (APCN). No entanto, devido à sua diversidade e dispersão em diferentes áreas de avaliação relacionadas às disciplinas das licenciaturas, como Biologia, Física, Letras, Matemática e Química, eles enfrentam desafios no monitoramento e acompanhamento. Portanto, o Conselho Técnico-Científico da Educação Superior (CTC-ES) recomendou a criação de uma área de avaliação específica para os Prof/ProEB, uma medida que foi aprovada pelo Conselho Superior.

Mercedes Bustamante, presidente da CAPES, destacou que a criação desta nova área visa consolidar e facilitar a avaliação dos programas, que antes estavam dispersos em diferentes áreas. Paulo Santos, diretor de Avaliação.

Sobre o ProEB

Prof/ProEB proporciona a formação continuada stricto sensu, em nível de mestrado e doutorado profissionais, aos professores em exercício na rede pública de educação básica, com aulas semipresenciais. O Programa, criado em 2011, apoia as instituições associadas, responsáveis pela implantação e execução de cursos em todo o território nacional, com áreas de concentração e temáticas vinculadas diretamente à melhoria da educação básica.

Fonte: Brasília – Redação CGCOM/CAPES